Dicas gerais Dicas para quem mora nos EUA Imigração

Quando usar tradução de documentos brasileiros

Preciso traduzir meus documentos brasileiros para usar nos Estados Unidos. A tradução deve ser juramentada?

Não. No Brasil, a tradução juramentada é feita por um tradutor público, concursado, que emite um selo do governo (e não é barata!). Nos Estados Unidos não existe esse conceito. Aqui você pode ser obrigado a fornecer uma tradução certificada ou autenticada.

Certified translation (certificada)

Acompanha uma declaração assinada e datada pelo tradutor ou agência de tradução, afirmando que a tradução corresponde à respectiva versão original.

Notarized translation (autenticada)

É uma “tradução certificada” (certified translation — conceito acima) que contém o selo oficial e a assinatura de um notário público (licenciado), autenticando a assinatura daquele que certificou a tradução.

Quais documentos normalmente devem ter tradução certificada (“certified translation”)?

Você pode precisar de tradução certificada em situações de turismo (viagens aos EUA), Imigração americana (USCIS), inscrição para estudar em escola ou universidade americana, e outros requerimentos de governos locais, estaduais ou federais.

Sempre que você precisar usar um desses documentos abaixo (que estiverem em português) nos Estados Unidos, sugiro ter uma tradução certificada em inglês. Exemplos de documentos:

  • carteira de habilitação brasileira (por exemplo, se você vier a turismo e quiser dirigir por aqui, a sua habilitação deve acompanhar uma tradução certificada);
  • certidão de casamento (por exemplo, quando seus nomes de casada e solteira divergem em outros documentos e você precisa comprovar a alteração);
  • certidão de nascimento;
  • certidão de óbito;
  • diploma e certificados;
  • históricos escolares;
  • registros/arquivos médicos;
  • depoimentos e declarações legais;
  • documentos de adoção;
  • avaliações psicológicas;
  • passaportes;
  • testamentos;
  • contratos;
  • ficha criminal;
  • cartas de referências;
  • etc.

Se você estiver tratando com a Imigração americana (USCIS), a mesma coisa: todo documento que não estiver em inglês deve ter a sua respectiva tradução certificada. Porém, há casos em que o USCIS exige que a tradução seja também autenticada (notarized).

Qual tradutor ou agência contratar?

Dica: para não ter erro e evitar problemas de aceitação, traduza o documento no país em que ele será apresentado (Estados Unidos).

Pessoalmente, já usei os serviços da empresa REV (americana) e achei excelente, tanto em termos de preço quanto em tempo recorde da entrega do documento traduzido. Uma vez pedi a tradução de uma certidão de nascimento, paguei e recebi o PDF no mesmo dia, tudo online! Sim, PDF. Ainda perguntei se eles me enviariam o documento físico pelo correio, mas me explicaram que o processo era apenas eletrônico (eles mandam o PDF e você mesmo imprime, o que é super prático, ainda mais para quem mora no Brasil). A única coisa que eles enviam pelos correios é a tradução autenticada (notarized), o que não era o meu caso (mas se no futuro eu precisar solicitar a autenticação, posso pedir independentemente de quanto tempo tenha passado).

Enfim, achei o serviço ótimo, super rápido e profissional. Mas, como em qualquer serviço de tradução (ainda mais autenticada, que deve ser exatamente igual), ao receber o documento você deve verificar se todas as palavras e números correspondem ao original. No meu caso, uma letra e um número saíram errados, mas só percebi 3 dias depois. Mandei um email e eles corrigiram no mesmíssimo dia.

Hoje entrei no site e vi que estão cobrando 33 dólares por página (com até 250 palavras). Caso queira um orçamento de um documento específico, clique aqui para saber quanto vai ficar a sua tradução.

Este post tem a finalidade de dar uma dica geral para quem precisa traduzir documentos para apresentar a autoridades americanas, imigração, escola, entre outros. Se você tiver qualquer pergunta relacionada ao seu caso em particular, fale diretamente com o tradutor ou empresa tradutora. A REV, por exemplo, me ajudou bastante a solucionar algumas dúvidas pessoais que eu tinha. E não, este post não é patrocinado. 🙂

tradução

Compartilhe

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply
    Karina
    03/08/2016 at 18:17

    Olá! Primeiro, agradeço por compartilhar as informações!
    Se puder responder minha dúvida…. Para matricular filhos na escola pública é necessário ter a certidão de nascimento da criança traduzida e também o histórico escolar? Você aconselha traduzir aí nos Eua?
    Muito Obrigada!

    • Reply
      Carol Mendes
      03/08/2016 at 22:21

      Oi, Karina! Não sei quais os documentos necessários na escola em que vai matricular o seu filho, mas todos os documentos exigidos que estiverem em português devem ter tradução certificada sim. Como falei no post, para evitar problemas de aceitação, traduza o documento com tradutor ou agência de tradução americanos. A REV é um exemplo de empresa que faz esse serviço (www.rev.com). Você pode solicitar a tradução online, sem sair do Brasil, e pagar online também. Eles vão te entregar o PDF por email, você imprime e apresenta na escola. Beijos.

    Leave a Reply